a (2)

Zumbido no ouvido – Causas, prevenção e tratamento

Publicado por Fonaudio em 01 de julho de 2021

O zumbido no ouvido, também conhecido como tinnitus, é um distúrbio que se caracteriza pela pessoa escutar zumbidos, parecido com aquele barulho irritante de mosquito, com frequência e sem haver uma fonte ou causa extrema identificável.

Esse distúrbio pode ser causado por vários fatores, pois é um sintoma de alguma condição de saúde que afeta a área do ouvido. Além disso, pode ser acompanhado por outros sintomas, como perda auditiva e tontura, que assim como o zumbido, é bem prejudicial à vida do indivíduo.

Sendo assim, confira abaixo as causas, prevenções e tratamentos para o zumbido no ouvido.

Causas do zumbido no ouvido

Conforme visto anteriormente, o zumbido no ouvido pode ser causado por vários fatores, incluindo condições de saúde, estilo de vida e hábitos do cotidiano. Os principais causadores desse distúrbio são:

  • Acúmulo de cera no ouvido;
  • Perda auditiva relacionada à idade;
  • Exposição cotidiana a ruídos altos;
  • Doença de Ménière;
  • Infecções no ouvido.

Além disso, o zumbido pode ser relacionado com diversos problemas de saúde, como diabetes, hipertensão, alterações hormonais como tireoide, colesterol alto e neurinoma do acústico, tumor que compromete o nervo auditivo.

E por último mas não menos importante, diversos hábitos do cotidiano podem influenciar no zumbido, como:

  • Uso excessivo de fones de ouvido;
  • Consumo excessivo de açúcar, doce, cafeína, sal e muitas horas sem comer;
  • Tabagismo e bebidas alcóolicas;
  • Medicamentos que são diuréticos, anti-inflamatórios e antibióticos.

Prevenção do zumbido no ouvido

Como o zumbido é um sintoma de hábitos e condições de saúde, existem certas atitudes que são essenciais para preservar a audição do ouvido e, assim, proteger contra o tinnitus. Para que isso aconteça, é importante ter um estilo de vida saudável, fazer exercícios físicos e ter uma dieta ajudam na prevenção de diabetes e hipertensão, duas doenças que causam o zumbido. Além disso, evite ao máximo consumir de modo exagerado bebidas alcóolicas, cigarros e cafeína.

O bem-estar do seu ouvido é fundamental para proteger contra esse distúrbio, então evite ouvir músicas altas e ficar usando fone de ouvido por muito tempo.

Tratamento do zumbido no ouvido

Não é recomendado viver com o zumbido e esperar que um dia ele desapareça! O ideal é buscar ajuda de um otorrinolaringologista, descobrir a causa e, assim, fazer o devido tratamento. O tratamento desse distúrbio varia de caso para caso e de pessoa para pessoa. Caso o zumbido tenha sido originado de uma perda auditiva, o ideal é usar um aparelho auditivo, assim resolvendo dois problemas, o da perda de audição e o desconforto com os zumbidos.

Contudo, existem casos que uma terapia sonora pode ajudar, como é o caso da Terapia de Habituação ao Tinnitus (Tinnitus Retraining Therapy), que tem como função fazer com que o paciente se acostume com o barulho constante, até que chegue ao ponto dele não perceber mais a existente do zumbido no ouvido.

Além disso, escutar músicas relaxantes ou com barulhos de cachoeira, por exemplo, faz com que a pessoa esqueça a existência do estímulo sonoro constante.

Mas lembre-se, o ideal é procurar ajuda médica! Cuide-se, você é o que você escuta, então cuide da sua saúde auditiva.

Leia também

download

Perda auditiva x Demência

LER MAIS

a (2)

Zumbido no ouvido – Causas, prevenção e tratamento

LER MAIS

a (1)

Cuidado auditivo diretamente do conforto e segurança da sua casa

LER MAIS